Thinking
Improve Business

Improve Business

Metodologias ágeis: por que post its e Lego ganharam tanto espaço nas empresas?

As notas adesivas e os blocos de montar são os novos queridinhos das empresas. Você entende a função de cada um deles e como eles podem ajudar o seu negócio?

Quando palavras e expressões como “transformação digital”, “processos ágeis” e “inovação” ganharam destaque no ambiente empresarial, você deve ter percebido que dois elementos passaram a fazer parte da rotina das empresas: posts its e Lego. Murais e paredes de vidro recheadas de Posts its ou equipes inteiras imersas com os famosos Legos. O impacto visual desses elementos é muito forte e ambos estão sendo usados como ferramentas para, de fato, promover muitas transformações em diversas empresas. 

Mas afinal, o que será que está por trás das notas adesivas e dos blocos de montar? O que te instiga a participar de uma ação com esses elementos envolvidos? A dinâmica em grupo? A atividade envolvendo algo divertido e com um gatilho lúdico? 

Você pode estar se sentindo um pouco confuso com esses questionamentos, mas eis a importância de levantar essas perguntas: se não houver fundamento por trás do uso tanto dos posts its quanto do Lego, seu tempo de trabalho será transformado em apenas um dia diferente e divertido. 

Por que usamos essas ferramentas nas empresas? 

O princípio fundamental é fazer com que o coletivo pense para fora da caixa. Existem diversas formas de promover imersões com o uso desses elementos, mas o fundamento que há por trás é ordenar o pensamento individual e o coletivo para criação de algo de um modo ágil, visual e com maior facilidade de entendimento dos problemas e gargalos. 

O post it

As notas adesivas têm o poder de reunir os pedaços incompletos na mente de cada um, permitindo a criação de um sentido completo a partir da união desses pedaços. Pensamentos e ideias podem surgir de formas aleatórias durante um processo. E quando os questionamentos de todos são colocados ali no papel, “magicamente” surge uma ordenação para os problemas, os objetivos, os pontos que precisam ser reorganizados. 

E seja qual for o estágio da imersão, aplicado para iniciantes ou para pessoas já adaptadas a esses processos, existem alguns fundamentos importantes: 

  • O post it tem a função de comunicar. Ou seja, não adianta escrever um dado desconexo que outra pessoa que leia não vá entender. 
  • Ele tem o objetivo de não permitir que uma ideia passe pela mente sem ser registrada. 
  • Ele deve ter uma informação relevante, mas ser sucinto o suficiente para permitir a co-criação do outro. 
  • Um post it não deve ter mais do que uma informação. Essa é uma regra para permitir que você movimente o papel pelo mural ao longo do processo, até que ele fique no lugar que faça mais sentido. 
  • Cores podem ser usadas para categorização, isso facilita o processo. 
  • Em brainstorms, o uso de uma cor só facilita que as pessoas se sintam mais à vontade para compartilhar seus pensamentos sem serem identificadas. 

O Lego 

O uso do Lego é fundamentado em uma metodologia da própria marca conhecida como Lego Serious Play. O objetivo é usar os blocos para gerar engajamento entre a equipe, externalizar e materializar ideias de um modo que desperte a criatividade, gerar um espaço livre para discutir ideias diferentes. Em outras palavras, é um processo de criação e prototipação que acontece quase simultaneamente. 

Para que essa dinâmica produza resultados significativos, é preciso ter um facilitador ali conduzindo as atividades – que saiba não só direcionar a dinâmica, mas também deixar claro aos participantes para onde eles estão caminhando. 

E é nesse ponto que voltamos ao argumento inicial do texto. Se não houver um direcionamento de experiência à frente de atividades como essas, os envolvidos na dinâmica voltam para casa apenas com aquela sensação gostosa de terem passado o dia envolvidos em algo que os tirou da rotina de escritório, reuniões, relatórios e trocas de emails, sem contudo chegar a um resultado. Por isso, o despertar da criatividade nesses processos deve ter por trás um fio condutor com objetivo claro que permita a compreensão do início, meio e fim da utilização dessa ferramenta. 

Quer despertar sua criatividade, aprender a pensar fora da caixa e construir produtos ou serviços que façam diferença para sua equipe ou para o seu cliente? Entre em contato conosco, vai ser um prazer escrever post its ou montar Lego com você! 

COMPARTILHE ESTE POST

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on print
Share on email

Que tal nos contar sobre o
que você está querendo saber?

Que tal nos contar sobre o que você está querendo saber?

We Work Paulista
Av. Paulista, 1374
Bela Vista, São Paulo - SP
01310-100
Email: contato@improve.business
es_AR
Artboard 2@150x

Insira os dados abaixo para efetivar o download.